Este é o primeiro romance a descrever o relacionamento e a fantasia sadomasoquistas de forma explícita e detalhada. Publicado em 1870, narra a história de Severin, que se deixa escravizar por Wanda, e o sofrimento físico e moral que permeam a relação.

O livro foi quase todo elaborado a partir de reminiscências de eventos reais vivenciados pelo autor, Sacher-Masoch, que mais tarde emprestou seu nome ao termo psiquiátrico para a busca do prazer sexual pela dor e humilhação. “A obra de Sacher-Masoch, bem como a de Sade, ficou marcada por sua associação com os desvios patológicos da sexualidade, com a libertinagem e com a imoralidade. […] Essa visão acabou por injustiçar estes autores, cujas obras foram muio além do que se pode considerar como literatura pornográfica.” (Flávio Carvalho Ferraz)  


Aviso ao leitor: Este livro é parte da coleção Clássicos da Literatura Erótica e contém descrições explícitas de práticas consideradas tabus. Não recomendável para menores de 18 anos.

Ficha técnica

Número de páginas
160
ISBN
9788577150878
Encadernação
Brochura
Peso
0.161 kg
Ano de lançamento
2008

Compartilhe