Literatura estrangeira

Thumb_do-sentimento-tragico-da-vida

Do sentimento trágico da vida

Miguel de Unamuno

Do sentimento trágico da vida é uma sinuosa viagem pelas mais fundamentais angústias do Homem — não o abstrato, o espírito metafísico, mas o Homem de carne e osso, “que nasce, sofre e morre”, e tem de lidar com a consciência de seu fim. Abordando de Santo Agostinho a Nietzsche, Unamuno toma liberdades de

Thumb_anjos-do-universo

Anjos do universo

Einar Már Gudmundsson

O jovem Páll tenta lidar com problemas de identidade e a dificuldade de controlar suas emoções, se deixando levar por surtos de bebedeira e explosões de agressividade. Na segunda metade do romance vemos os muitos anos que Páll passa dentro do hospício Kleppur e os personagens que ele encontra lá. Surge o questionamento: em meio à agonia mental cotidiana, como se pode chegar a um retrato aceitável da sociedade ou mesmo da existência em si?

Thumb_bola-de-sebo-e-outros-contos

Bola de sebo e outros contos

Guy de Maupassant

Os contos reunidos neste livro (Bola de sebo, O horla, Mohammed Bandalho, O abandonado, Passeio, A confissão, Berthe, O guarda e O pai) são uma amostra da grande prosa francesa do século XIX com sua cartilha de fidelidade a uma realidade que não podiam ver senão como uma tragédia rebaixada e multiplicada em indivíduos reduzidos a sua humanidade mesquinha.

Thumb_amores-e-outras-imagens

Amores e outras imagens

Filóstrato

Amores e outras imagens, de Filóstrato, o Velho, traz descrições de quadros da Antiguidade no contexto de um diálogo entre um mestre e um menino no qual se procura mostrar o melhor modo de se apreciar uma obra de arte. Título integrante da Coleção Bienal.

Thumb_a-decadencia-do-analfabetismo-a-arte-de-birlibirloque

A decadência do analfabetismo / A arte de birlibirloque

José Bergamín

A arte de birlibirloque A decadência do analfabetismo tratam, respectivamente, da “arte de tourear” e da questão da passagem de uma cultura mantida por transmissões orais para uma cultura escrita, que cristaliza os conteúdos. Título parte da Coleção Bienal.

Thumb_stephen-heroi

Stephen herói

James Joyce

O livro que antecedeu Um retrato do artista quando jovem e Ulisses. Propicia aos admiradores de Joyce a oportunidade única de perceber detalhes cruciais na caracterização de Stephen e do contexto que o cerca: uma das descrições mais fascinantes e detalhadas do desenvolvimento de uma mente humana. 

Thumb_dancando-em-lunassa

Dançando em Lúnassa

Brian Friel

A obra mais famosa do dramaturgo irlandês Brian Friel (por sua vez o maior dramaturgo irlandês em atividade), Dançando em Lúnassa, tem vínculos estreitos com a temática e o estilo de Tchécov.

Thumb_filadelfia-la-vou-eu

Filadélfia, lá vou eu!

Brian Friel

Filadélfia, lá vou eu!, a primeira peça de sucesso do mais importante dramaturgo irlandês da atualidade, passa-se na cidade fictícia de Ballybeg − que em gaélico significa “cidade pequena” −, no dia que antecede a partida do jovem Gar O’Donnell para a Filadélfia.

Thumb_performances

Performances

Brian Friel

O consagrado dramaturgo irlandês contemporâneo Brian Friel atinge o virtuosismo linguístico em Performances, em que os caráteres performáticos tanto do teatro quanto da música se evidenciam mutuamente.

Thumb_lira-argenta

Lira Argenta

Vários

«Celebração da poesia internacional, em edição bilíngue, sem salientar um idioma ou um período histórico, Lira Argenta é livro raro no panorama editorial – na quantidade e na qualidade de suas escolhas e traduções.

Thumb_a-demanda-do-santo-graal

A demanda do Santo Graal

A demanda do Santo Graal é um volume que reúne a fundição de lendas celtas e germânicas a um “tempo mítico”, cuja raiz mais antiga é o Velho Testamento. Pode-se dizer, tratando-se de ocidentais, que todos conhecem a “lenda do rei Artur e dos cavaleiros da Távola Redonda”. Mas isso esconde uma realidade paradoxal: a de que poucos a conhecem de fato.

Thumb_contos-hungaros

Contos húngaros

Vários

O que a Hungria tem de mais peculiar, porém, menos do que sua história, comum à dos demais países da região, é sua língua. Se a maioria dos europeus fala alguma língua da família indo-européia, os húngaros estão entre as poucas exceções.

Thumb_alcoois-poemas-1898-1913

Álcoois – poemas (1898 -1913)

Guillaume Apollinaire

Esta é a obra que ecoa e resume todas as linhas poéticas que Apollinaire traçou e fielmente seguiu. Trata-se também de sua obra mais significativa e representativa em relação ao conjunto de seus escritos. É com a publicação dessa coletânea que o poeta inova a lírica, abole a pontuação, exercita o verso livre, chama a atenção para a modernidade do início do século, que tem como personagem principal as cidades, espaço privilegiado das inovações estéticas do período. 

Thumb_questao-do-fim-da-arte-em-hegel

Questão do fim da arte em Hegel

Marco Aurélio Werle

Marco Aurélio Werle aborda neste livro uma questão que diz respeito mais diretamente ao campo da estética, mas que interessará também àqueles em cuja vida a arte e sua apreciação são matérias presentes: o fim da arte. Retomando o debate principalmente a partir de sua matriz na estética de Hegel, o autor também trata de desdobramentos posteriores do problema, como a Teoria Crítica da Escola de Frankfurt, bem como os trabalhos dos críticos Peter Burger, Arthur Danto e Hans Belting.

Thumb_a-constituicao-da-tradicao-classica

A constituição da tradição clássica

Antes da preponderância do atual eixo cultural atlântico - industrial e anglo-saxão -, por cultura entendia-se o patrimônio de noções, formas e sensibilidades herdadas das civilizações antigas do Mediterrâneo, em especial a greco-romana. A Tradição Clássica, aí incluído o Cristianismo, resulta das diversas vias pelas quais o legado antigo foi transmitido e interpretado pela Idade Média, mas sobretudo pela Idade Moderna, entre o século XV e meados do XX.

Thumb_iliada

Ilíada

Homero

A Ilíada é o poema épico por excelência, pois toda a ação decorre no campo de batalha. Narra o nono ano da guerra de Troia, a partir do episódio conhecido como “A ira de Aquiles” até o funeral de Heitor, maioral entre os guerreiros troianos. Esta edição é a tradução de Carlos Alberto Nunes, um dos mais prolíficos tradutores literários do século XX no Brasil.

Thumb_o-corvo-genese-referencias-e-traducoes-do-poema-de-edgar-allan-poe

O corvo – gênese, referências e traduções do poema de Edgar Allan Poe

Claudio Weber Abramo

O poema “O Corvo” está entre as obras mais traduzidas da história da literatura, pelo enorme fascínio que exerce sobre leitores e escritores, apesar dos obstáculos que oferece à tradução – ou por causa deles. Este livro reúne todas as suas mais importantes traduções para o português − incluindo as de Machado de Assis e de Fernando Pessoa − e outras línguas latinas – como a versão francesa de Baudelaire −, além de análises dessas traduções e de uma abrangente discussão sobre a arte (ou quase) de traduzir.

Thumb_os-vinculos

Os vínculos

Giordano Bruno

Aqui trata-se do modo como as coisas e os homens tecem relações e vínculos entre si e expõe a variedade dos diferentes vínculos e, especialmente, dos vínculos do amor. Título parte da Coleção Bienal.